CONTROLE ABSOLUTO DE ESTORNO E PENDÊNCIAS

No dia a dia do correspondente bancário, duas das tarefas mais duras de se realizar são: o tratamento e resolução das pendências e dos estornos aos quais a empresa é penalizada diariamente, pelos bancos em relação à formalização dos contratos. Como na maioria das empresas não existe um controle automático destas tarefas, o que ocorre é sempre um trabalho realizado para resolver quando o problema já existe e muitas das vezes já se manifesta de forma crônica. Avaliando desta forma podemos dizer concretamente que:

 

 

1- O Sistema ConsigCerto REDUZ o tempo gasto no levantamento dessas informações imediatamente, ao tornar essa tarefa automática.

 

2- A partir do momento em que a empresa estiver utilizando o ConsigCerto, estará REDUZINDO o RETRABALHO, pois ser ESTORNADO por CANCELAMENTOS, FRAUDES, AUTO FRAUDES e CONTRATOS PERDIDOS, NÃO ENVIADOS ou ainda NÃO RECEBIDOS pelos bancos, exige tomar conhecimento de informações antigas e atuais. Desta forma o foco da sua equipe literalmente fica míope, ou seja, sem saber realmente o que precisa fazer pois, existem ainda as tarefas diárias que precisam ser realizadas, agora sendo perturbadas pelo levantamento e resolução destes problemas que geram prejuízo ao caixa da empresa.

 

3- O AUMENTO DE RENTABILIDADE nas operações se torna algo, totalmente palpável, uma vez que não há necessidade de deslocamento de sua equipe no formato força tarefa, para apagar "incêndios", provocados pelas explosões de ESTORNOS no CAIXA da empresa. 

 

4- Com essas informações disponíveis, as decisões podem ser tomadas em TEMPO REAL, sem necessidade de prazos longos para levantamento de informações, para posteriormente pensar em soluções para a empresa. 

 

5- Uma das consequências de ter estas informações em TEMPO REAL E AUTOMATIZADAS, é a possibilidade da empresa recuperar fluxo de caixa entendendo quais contratos foram ESTORNADOS seja pelo motivo que for, resolver os mesmos e cobrar de volta os valores dos bancos. Há muitos casos onde existem erros no fluxo de conta corrente estabelecidos pelos bancos onde os valores são ESTORNADOS, mas pós resolvidos pelo correspondente os valores não são devolvidos para a empresa, assim gerando prejuízos, aos quais à partir deste momento utilizando o sistema ConsigCerto serão evitados a qualquer custo.